Presidente Jair Bolsonaro participa de reunião informal dos Brics

Presidente destaca o diálogo e cooperação do bloco é formado pelo Brasil, Índia,China, Rússia e África do Sul

audio/mpeg 28-06-19 - SONORA DO PRESIDENTE REUNIAO BRICS.mp3 — 348 KB

Duração: 36s




Transcrição

Em reunião informal do Brics (Brasil, Índia, China, Rússia e África do Sul), o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que o governo pretende trabalhar ativamente pelo fortalecimento do grupo. “Contem com o empenho de nosso Governo para que a cooperação entre nós se fortaleça sempre mais”, declarou. “Destaco que nossa união pode colaborar e muito na busca de soluções de conflitos internacionais”. 

Segundo ele, desde a crise financeira de 2008, o Brics tem apontado o papel relevante das grandes potências emergentes para a estabilidade e a prosperidade da economia mundial. O presidente reafirmou o apoio do Brasil ao sistema multilateral de comércio. “A persistência de correntes protecionistas e de práticas econômicas desleais é fonte de tensões comerciais e põe em risco a estabilidade das regras internacionais de comércio. Em meu governo, o Brasil reafirmou seu apoio ao sistema multilateral de comércio, por ter certeza de que o dinamismo da economia mundial depende dele”.

Bolsonaro afirmou que o Brasil está disposto em continuar colaborando para a reforma da Organização Mundial do Comércio, com a construção de uma agenda negociadora equilibrada.

O presidente ressaltou, ainda, que a transição energética que os países vêm promovendo é um importante estímulo para a geração de emprego e de renda, e também para o desenvolvimento sustentável. “No Brasil, estamos abrindo o mercado de gás natural, insumo indispensável para o ingresso numa economia com menor impacto ambiental”, afirmou.

Fonte: Palácio do Planalto