Até 31 de maio vão estar disponíveis nos postos de saúde de todo o país as vacinas contra gripe

Nesta etapa de imunização devem ser vacinadas crianças, gestantes, trabalhadores de saúde, povos indígenas, mulheres até 45 dias após o parto; idosos a partir dos 60 anos, professores, pessoas portadoras de doenças crônicas e outras categorias de risco clínico, população privada de liberdade, incluindo adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade que estão sob medidas socioeducativas, e funcionários do sistema prisional, além de integrantes das forças de segurança e salvamento

audio/mpeg 23-04-19 - CONVERSA SERIA - CAMPANHA DE VACINAÇAO VALE ESTA.mp3 — 7620 KB

Duração: 7m27s




Transcrição

Até 31 de maio, estarão disponíveis nos postos de saúde de todo o país as vacinas contra gripe.

 

Na segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação , todos os públicos-prioritários devem ser vacinados.

 

Nesta etapa de imunização, foram incluídas como público alvo as forças de segurança e salvamento, que totalizam cerca de 900 mil pessoas.

 

Além desses profissionais , devem receber a vacina crianças, gestantes, trabalhadores de saúde; povos indígenas; (mulheres até 45 após o parto; idosos a partir dos 60 anos; professores, pessoas portadoras de doenças crônicas e outras categorias de risco clínico, população privada de liberdade, incluindo adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade que estão sob medidas socioeducativas, e funcionários do sistema prisional.

 

A meta é vacinar pelo menos 90% de cada um dos grupos prioritários.

 

 

A jornalista Graziella Mendonça entrevistou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, sobre a campanha de vacinação.