Caixa inicia liberação do saque do FGTS

Os trabalhadores nascidos em abril e maio, sem conta no banco, poderão retirar o dinheiro; O presidente, Jair Bolsonaro, e o ministro da Educação, Abraham Weintraub, participam da entrega de ônibus escolares a municípios de Goiás; Secretaria de Aviação Civil divulga pesquisa de satisfação dos passageiros com aeroportos.

audio/mpeg 08-11-19 - AMERICA - E NOTICIAS EM 2 MINUTOS - MANHA - 2m.mp3 — 3756 KB

Duração: 2:00s




Transcrição

 

A Caixa Econômica Federal inicia nesta sexta-feira (8), mais uma etapa de liberação do saque imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que paga até R$ 500 por conta ativa ou inativa.

Os trabalhadores nascidos em abril e maio, sem conta no banco, poderão retirar o dinheiro.

O saque começou em setembro para quem tem caderneta de poupança ou conta-corrente na Caixa, com crédito automático.

Segundo a Caixa, no total os saques do FGTS podem resultar em uma liberação de cerca de R$ 40 bilhões na economia até o fim do ano.

………………………


O presidente, Jair Bolsonaro, e o ministro da Educação, Abraham Weintraub, participam da entrega de ônibus escolares a municípios de Goiás, nesta sexta-feira (8), às 15h, no estacionamento sul do Estádio Serra Dourada, em Goiânia.

A entrega faz parte do Programa Caminho da Escola, do Ministério da Educação, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Bolsonaro deixa a capital goiana, às 18h, com destino a Brasília. O desembarque na Base Aérea está previsto para as 18h30.

…………………………….

 

Foi divulgada nessa quinta-feira (7), pela Secretaria Nacional de Aviação Civil, do Ministério da Infraestrutura, pesquisa que mostra o aumento da satisfação dos passageiros com a infraestrutura aeroportuária nos 20 maiores aeroportos do país.

Por esses terminais passam 87% do total de passageiros transportados no Brasil.

De acordo com a pesquisa, feita entre julho e setembro, a nota média para os aeroportos foi de 4,42, contra 4,36 do levantamento anterior, realizado entre abril e maio. Pela escala, a nota 1 significa "muito ruim" e a 5, "muito bom".

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, América Melo