Trabalhadores da iniciativa privada vão ter direito ao saque-aniversário do FGTS

O saque-aniversário que entrará em vigor em abril, tem o potencial de aumentar em cinco vezes o volume de crédito consignado; Bolsonaro defende, mais uma vez, mudança na cobrança do ICMS sobre os combustíveis; Embrapa envia sementes para banco da Noruega.

audio/mpeg 10-01-20 - É NOTÍCIA EM 2 MINUTOS - 2M08S - FINALIZADO - MANHA - DILSON SANTA FE.mp3 — 2011 KB

Duração: 2:08s




Transcrição

O saque do FGTS - Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, na modalidade saque-aniversário, que entrará em vigor em abril, tem o potencial de aumentar em cinco vezes o volume de crédito consignado para os trabalhadores da iniciativa privada.

 

A estimativa foi divulgada pela Secretaria de Política Econômica do Ministério da Economia.

 

De acordo com a secretaria, o saque-aniversário deve criar um mercado de até 100 bilhões de reais em recebíveis de crédito nos próximos quatro anos.

 

Os recebíveis são os recursos dos quais os bancos podem se apropriar em caso de calote do empréstimo tomado.

 

A lei que criou o saque-aniversário permite que os trabalhadores usem o dinheiro sacado a cada ano como garantia nas operações de crédito.

…………………..

 

O presidente Jair Bolsonaro defendeu mais uma vez, nessa quinta-feira, uma mudança na forma de cobrança do ICMS, Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, sobre os combustíveis.

 

Segundo ele, o tributo deveria ser calculado sobre o valor vendido nas refinarias e não nos postos de combustíveis.

 

O ICMS é um tributo estadual que varia de 25 a 34 por cento, no caso da gasolina, sobre o valor do litro vendido nos postos. A alíquota de ICMS sobre o diesel varia de 12 a 25 por cento, e sobre o etanol, de 12 a 34 por cento, segundo a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes.

 

Bolsonaro disse que pretende fazer com que o ICMS seja cobrado do preço do combustível na refinaria e não no final, na bomba de gasolina.

………………………..

 

Nesta sexta-feira, a Embrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, vai enviar para a Noruega 3 MIL 438 materiais genéticos que fazem parte do seu acervo para compor o maior banco mundial de sementes do mundo.

 

É o banco de Svalbard, situado na cidade de Longyearbyen (LONGUI E ARBEN).

 

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Dilson Santa-Fé