Brasil atingiu meta de vacinação de sarampo em crianças

O ministério contabiliza que 34,5% (1.923 cidades) precisam reforçar os esforços para atender à meta de vacinação; Ministério da Agricultura assina seguro avícola inédito que vai beneficiar criadores de aves.

audio/mpeg 30-10-19 - É NOTÍCIA EM 2 MINUTOS - AMERICA MELO - MANHA.mp3 — 2081 KB

Duração: 2m13s




Transcrição

 

O Brasil atingiu a meta global de vacinação de sarampo para crianças de 6 meses a menores de 1 ano, com o registro de 95% da população geral nessa faixa etária imunizada. A informação é do balanço parcial divulgado pelo Ministério da Saúde (MS).

Estão abaixo da meta de vacinação Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte. Em relação aos municípios, o ministério contabiliza que 34,5% (1.923 cidades) precisam reforçar os esforços para atender à meta de vacinação.

A segunda etapa da campanha de vacinação está prevista para começar em 18 de novembro. O governo federal tem expectativa de que agentes comunitários de saúde de combate às endemias façam busca ativa em residências para vacinação.

O foco é a população adulta. “Um novo grupo, composto por adultos de 20 a 29 anos que não estão com a caderneta de vacinação em dia terá a oportunidade de se vacinar até 30 de novembro, quando termina a campanha”, destaca nota divulgada em Brasília pelo ministério.

.......................................

 

Foi assinado no Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) seguro avícola inédito que vai beneficiar criadores de aves.

 

O Mato Grosso é o primeiro estado brasileiro a contar com um seguro para cobrir as atividades dos avicultores. Cerca de 20 milhões de aves no estado serão seguradas.

 

O seguro foi assinado nesta terça-feira (29) pela Associação Matogrossense de Avicultura (Amav/Fesavi), as seguradoras Proposta e FairFax e a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

 

A apólice faz parte do Programa de Seguro Sanitário para a Avicultura do Mato Grosso: Influenza Aviária e Doença de Newcastle. Com um sistema verticalizado em um modelo integrado de produção, o Brasil é o único dentre as grandes nações produtoras que nunca registrou focos de influenza aviária em seu território. É, também, livre da Doença de Newcastle.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília. América Melo