Presidente Jair Bolsonaro quebra protocolo e anda na Esplanada dos Ministérios no desfile de 7 de setembro em Brasília

O presidente cumprimentou o público presente no desfile do Dia da Pátria

audio/mpeg 07-09-19 - MIRNA LEDO - MOMENTO DESFILE - MR.mp3 — 1739 KB

Duração: 1m51s




Transcrição

O principal desfile de 7 de setembro de todo o país, realizado na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, começou às 9 horas da manhã deste sábado. A temperatura local era de 28 graus e o céu tinha sol entre nuvens. 
 
As arquibancadas montadas no percurso do desfile tinham capacidade para 20 mil pessoas sentadas. Ao longo da Esplanada, dez telões faziam a transmissão ao vivo do evento. 
 
O número de banheiros químicos foi ampliado para atender ao público. O custo total, segundo a licitação pública realizada pelo Palácio do Planalto, foi de 971 mil e 500 reais. 
 
O presidente Jair Bolsonaro chegou à tribuna de honra no Rolls Royce presidencial acompanhado do filho Carlos Bolsonaro, vereador no Rio de Janeiro
 
Eles foram recebidos pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha; pelo ministro da Defesa, Fernando Azevedo; pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre; e pelo presidente em exercício da Câmara dos Deputados, Marcos Pereira. 
Depois de receber as honras militares da Guarda Presidencial, Bolsonaro juntou-se à primeira dama, Michelle Bolsonaro, à filha Laura, e aos filhos Flávio e Eduardo Bolsonaro, senador e deputado federal respectivamente.  
 
Hamilton Mourão, vice-presidente da República, o comunicador e empresário Sílvio Santos, e  o bispo Edir Macedo, fundador da igreja Universal do Reino de Deus, também estavam na tribuna de autoridades, acompanhados de suas esposas. 
 
Quebrando o protocolo, o presidente desceu da tribuna e andou parte do percurso do desfile cumprimentando o público. Ele estava acompanhado de seguranças e dos ministros Sérgio Moro e Onix Lorenzoni.