Ministro da Saúde anuncia simplificação na medicação de combate à tuberculose

A simplificação da medicação será aplicada em crianças de até dez anos. A partir de 2020, um comprimido efervescente, aplicado em cada fase, reunirá os compostos de toda a medicação necessária.

audio/mpeg 10-09-19 - SUZETTE - TUBERCULOSE - VAL 13-09.mp3 — 1387 KB

Duração: 0:59s




Transcrição

O ministro da Saúde, Luis Henrique Mandetta, anunciou nessa segunda-feira (9) a simplificação na medicação de combate à tuberculose em crianças de até dez anos.

 

Atualmente, o tratamento é feito com três comprimidos na fase intensiva do combate à doença e dois comprimidos na fase moderada.

 

A partir de 2020, um comprimido efervescente, aplicado em cada fase, reunirá os compostos de toda a medicação necessária.

 

Mandetta também informou que o Brasil liderará a estratégia mundial de combate à tuberculose e, pelos próximos três anos, estará na presidência de uma organização internacional chamada Stop TB.

 

Ela é vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU) e reúne mais de 100 países no esforço de reduzir o número de vítimas da tuberculose.

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Suzette Calderon