Capacidade de armazenagem agrícola fica em 169,5 milhões de toneladas no 2º semestre de 2018

A informação foi divulgada nesta terça-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

audio/mpeg 11-06-19 - ROSAMELIA - ARMAZENAGEM PRODUTOS AGRICOLAS - VAL 16-06.mp3 — 893 KB

Duração: 42s




Transcrição

O total de capacidade útil disponível no Brasil para armazenamento no segundo semestre de 2018, em estabelecimentos ativos na Pesquisa de Estoques, foi de mais de 169 milhões de toneladas, segundo o IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Esse resultado é 0,3% superior ao semestre anterior. O Mato Grosso possui a maior capacidade de armazenagem, com 39 milhões e 800 mil toneladas.

O estoque de produtos agrícolas totalizou 24 milhões e 200 mil toneladas.

Entre os produtos agrícolas, o maior volume estocado estão o milho (11,1 milhões de toneladas), seguido pelo de soja (5,5 milhões), trigo (4,2 milhões), arroz (2,2 milhões) e café (1,3 milhões).