Exército investirá mais de R$ 154 mil em produtos da agricultura familiar no Rio Grande do Norte

Podem participar produtores independentes e cooperativas, que devem apresentar as propostas até o dia 24 de julho

audio/mpeg 11-07-19 EXÉRCITO INVESTIRÁ R$ 154 MIL NA AGRICULTURA FAMILIAR.mp3 — 2987 KB

Duração: 2m06s




Transcrição

LOC: Pequenos agricultores do Rio Grande do Norte e região têm a oportunidade de vender seus produtos ao décimo sexto Batalhão de Infantaria Motorizado do Exército, em Natal. A unidade investirá por meio do Programa de Aquisição de Alimentos, o PAA, mais de 154 mil reais. Podem participar produtores independentes e cooperativas, que devem apresentar as propostas até o dia 24 de julho.

Esta compra será feita através do Programa de Aquisição de Alimentos, o PAA. Conforme a legislação, trinta por cento dos produtos usados na alimentação em instituições públicas devem ser oriundos da agricultura familiar.

O exército pretende comprar cinquenta e quatro variedades de produtos, entre frutas, verduras, queijos, ovos e mel.

Reginaldo Costa, presidente da Cooperativa Potiguar de Apicultura e Desenvolvimento Rural Sustentável do Rio Grande do Norte, ressalta a importância da modalidade para o incentivo dos cultivos e a divulgação dos produtos.

 

SONORA: REGINALDO COSTA - PRESIDENTE DA COOPAPI

LOC: O diretor do Departamento de Compras Públicas para Inclusão Social e Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, Iberê Mesquita Orsi, destaca a importância dos editais para que os agricultores familiares busquem novos mercados.

 

SONORA: IBERÊ MESQUITA ORSI - DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE COMPRAS PÚBLICAS PARA INCLUSÃO SOCIAL E PRODUTIVA RURAL

LOC: Por meio do PAA, cada agricultor pode vender até vinte mil reais por ano para cada órgão comprador. O limite de venda para cooperativas ou associações é de seis milhões de reais por ano. Mais informações sobre este e outros editais de compras institucionais estão disponíveis no site comprasagriculturafamiliar.gov.br.

 

Reportagem, Diego Queijo