Cai o número de reclamações do setor de telecomunicações, segundo a ANATEL

A maior redução foi na TV por Assinatura, seguida pela telefonia móvel pré-paga e telefonia móvel pós-paga

audio/mpeg 12-02-19 - ROSAMELIA - RECLAMAÇOES ANATEL - VAL 17-02.mp3 — 1043 KB

Duração: 1m06s




Transcrição

O número de reclamações registradas em 2018 na ANATEL, a Agência Nacional de Telecomunicações caiu 13,6% em relação a 2017.

 

No total, foram recebidas em 2018, 2 milhões e 900 mil reclamações nos canais de atendimento da Agência, 464 mil a menos que no ano anterior.

 

Este é o terceiro ano consecutivo em que são registradas quedas no volume de reclamações: elas já haviam sido reduzidas em 4,3% no ano de 2016 e em 12,9% no ano de 2017.

 

A redução ocorreu em todos os principais serviços de telecomunicações.

A maior redução foi na TV por Assinatura, seguida pela telefonia móvel pré-paga e telefonia móvel pós-paga.