26 MIL MILITARES DEVEM APOIAR AS ELEIÇÕES DE 2018

A estimativa é do Ministério da Defesa. A menos de um mês do primeiro turno das eleições, o TSE aprovou o envio de tropas para 370 localidades de sete unidades da Federação. São elas: Acre, Ceará, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte. As Forças Armadas também são requisitadas para oferecer apoio logístico à Justiça Eleitoral, com o transporte de pessoal e de urnas. A missão das tropas é garantir o livre exercício do voto, a normalidade da votação e da apuração dos resultados nas localidades em que a segurança pública necessita do reforço. Atua, também, para inibir a perturbação da organização e a realização dos pleitos. As solicitações de apoio das Forças Armadas são formuladas pelos Tribunais Regionais Eleitorais ao TSE. Os militares, ao serem requisitados para auxiliar a Justiça Eleitoral no apoio logístico desempenham essa tarefa acompanhados de pessoal da Justiça Eleitoral.

audio/mpeg 13-09-18 - É NOTÍCA - LUCIANO SEIXAS - MILITARES APOIAM ELEIÇÕES 2018 - VAL 18-09 - PM.mp3 — 1136 KB