Força-Tarefa Previdenciária desarticula organização criminosa que fraudava a previdência na Região Sul

Para obter os benefícios fraudulentos, a organização criminosa criou cerca de 800 vínculos empregatícios fictícios para mais de 500 trabalhadores, utilizando nomes de familiares dos criminosos

audio/mpeg 15-05-19 - ROSAMELIA - FRAUDE NA PREVIDENCIA - VAL 15-05.mp3 — 2203 KB

Duração: 1m10s




Transcrição

A Força-Tarefa Previdenciária, deflagrou nesta terça-feira ação para desarticular quadrilha que fraudava a Previdência Social na Região Sul.

 

A ação resultou na prisão de duas pessoas acusadas de fraudar aposentadorias por idade, por tempo de contribuição e pensões por morte.

 

Também foram cumpridos 17 mandados de busca e apreensão em seis cidades na região Sul.

 

Para obter os benefícios fraudulentos, a organização criminosa criou cerca de 800 vínculos empregatícios fictícios para mais de 500 trabalhadores, utilizando nomes de familiares dos criminosos.

 

 

A Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista estima um prejuízo aproximado de R$ 3 milhões e 700 mil reais com o pagamento de 53 benefícios obtidos de forma fraudulenta.