Diretor-geral do Depen visita obras de recuperação da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo

Sob coordenação do Depen, a Força Tarefa de Intervenção Penitenciária -FTIP, conta com a participação de agentes federais de execução penal, além de agentes penitenciários de outros estados.

audio/mpeg 19-03-19 - SUZETTE CALDERON - DEPEM-OBRAS - VAL 19-03.mp3 — 1299 KB

Duração: 1:23s




Transcrição

O diretor-geral do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Fabiano Bordignon, visitou nesta segunda-feira, dia 18 de março, as obras de reforma e readequação da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (PAMC), em Boa Vista , Roraima.

A Força Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) atua na unidade prisional desde 26 de novembro do ano passado, com 100 agentes. Sob coordenação do Depen, a FTIP conta com a participação de agentes federais de execução penal, além de agentes penitenciários de outros estados.

 

O MJSP repassou, para o governo do estado de Roraima, R$ 53 milhões do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen) com o objetivo de reaparelhar o sistema prisional do estado. Os recursos devem ser destinados para construção, reforma e ampliações das unidades. Deste total, R$ 10 milhões foram destinados para obras e reformas na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo.

Outra iniciativa da Força Tarefa foi a implementação do Banco de Dados Odontológicos, projeto inédito no País, em parceria com a Polícia Civil e Instituto Médico Legal, de Roraima.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Suzette calderon