Países de Língua Portuguesa discutem tráfico de pessoas

Reunião acontece a cada dois anos para acompanhar o cumprimento das recomendações da Declaração de Lisboa

audio/mpeg 27-11-18 - SUZETE CALDERON - TRAFICO.mp3 — 1159 KB

Duração: 1:14s




Transcrição

Começa nesta terça-feira (27), e prossegue até a quinta-feira (29), em Brasília, a 4ª Reunião da Comissão de Trabalho em Matéria de Tráfico de Seres Humanos (CMJPLOP/CPLP) e da apresentação de boas práticas para o enfrentamento ao tráfico de pessoas. O ministro da Justiça, Torquato Jardim, e representantes dos países que integram a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) participam do evento.

A reunião da comissão acontece a cada dois anos para acompanhar os progressos registrados de cada país participante com relação às catorze recomendações determinadas na Declaração de Lisboa, instituída em 2013.

Algumas delas são: promover o debate sistemático sobre o tema do tráfico de seres humanos; consagrar o crime de tráfico de seres humanos como uma infração penal autônoma e específica; combater as causas profundas desta criminalidade através da inclusão da prevenção e luta contra o tráfico de seres humanos no diálogo político e nos documentos estratégicos de cada Estado.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Suzette Calderon.