NOVA FORMA DE REMUNERAÇÃO DO FGTS BENEFICIA 88 MILHÕES DE TRABALHADORES

A partir de agora, o governo vai dividir os lucros do Fundo com os trabalhadores. São R$ 7,3 bi a mais que vão ser depositados nas contas no dia 31 de agosto. A novidade vai permitir um rendimento no saldo do FGTS maior que o da inflação.

audio/mpeg 10-08-17 - PAULO - FGTS.mp3 — 5945 KB