TRECHO DA FERROVIA NORTE-SUL COMEÇA A SER OFICIALMENTE ADMINISTRADO PELA INICIATIVA PRIVADA

O consórcio que fica responsável pela via foi escolhido num leilão em março. O grupo de empresas pagou R$ 2,7 bilhões pelo direito de administrar a via. O consórcio também deverá fazer investimentos de R$ 2,8 bilhões na estrada de ferro. O objetivo é escoar produção agrícola com menor custo de frete, tornando mais baratos os produtos que chegam ao consumidor. A assinatura do contrato foi nessa quarta-feira, em Anápolis, Goiás.

audio/mpeg 31-07-19 - LUANA KAREN - FERROVIA NORTE-SUL.mp3 — 4892 KB