Ministério da Agricultura vai elaborar projeto de logística do agronegócio

Na abertura nacional da colheita de soja, em Canarana (MT), na sexta-feira (19), o ministro interino da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Eumar Novacki, anunciou que o Mapa fará, em março, seminário sobre logística de transporte voltado para o agro brasileiro, para enfrentar gargalo do setor. O objetivo, de acordo com Novacki, é consolidar um projeto, ouvindo o setor produtivo, com base em dados estatísticos consistentes da Embrapa Territorial, para que seja executado. A importância do projeto, afirmou, se deve à contribuição que o agronegócio tem para a economia brasileira, sendo responsável por quase 45% do comércio exterior do país. Novacki lembrou a meta traçada pelo ministério de alcançar em cinco anos fatia de 10% do comércio mundial no setor e disse que a produção do Brasil hoje alimenta 1,4 bilhão de pessoas no mundo. Ele enfatizou que a imagem do país precisa ser defendida nas relações de comércio internacional, uma vez que a vegetação nativa que ocupa 66% do território nacional é um patrimônio inigualável e forte argumento de negociação com os parceiros do exterior. Posição que foi defendida pelo ministro Blairo Maggi na abertura do Fórum Global para a Alimentação e a Agricultura (GFFA), em Berlim, na Alemanha. No evento, quarta-feira, Maggi criticou campanhas mal-intencionadas de competidores ineficientes que tentam denegrir a trajetória vitoriosa de um país tropical no mercado internacional agropecuário. A expectativa da Conab para a Safra 2017/2018 é que a produção do grão alcance 110 milhões de toneladas.

audio/mpeg Canarana.mp3 — 2701 KB