Momento Agro 18/05/18

Levantamento de café da Conab confirma produção recorde de 58 milhões de sacas

audio/mpeg Levantamento de café.mp3 — 3131 KB

Duração: 3'20''




Transcrição


O Brasil terá a maior produção de café da sua história. É o que confirma o 2º levantamento da safra 2018, divulgado na quinta-feira (17) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A quantidade total deve ficar em 58 milhões de sacas beneficiadas de 60 quilos. O diretor do Departamento do Café do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Sílvio Farnese, destacou o crescimento da produção de café que chegou a 30% neste ano. A safra anterior devido a problemas de clima alcançou somente 44,9 milhões de sacas do grão. No último período de alta bienalidade, que ocorreu em 2016, o país teve uma produção de 51,4 milhões de sacas, considerada até então a maior do país e superada pela safra 2018. Outro motivo para os números positivos seria o avanço do pacote tecnológico neste setor, sobretudo de variedades mais produtivas. Farnese explica que o uso de novas tecnologias incorporadas à área de cultivo e à colheita fazem com que o café brasileiro seja de qualidade melhor do que no passado, demonstrado nos testes de qualidade que têm sido feito no Brasil. O diretor ressalta ainda a participação do café no exterior. Farnese deu uma boa notícia para o consumidor, devido ao aumento da produção de café isso poderá influenciar na redução da cesta básica. Ele relata que o preço do café no mercado diminuiu cerca de 3%. Segundo o estudo da Conab, a quantidade total engloba o café arábica e o conilon. Com relação ao arábica, a produção estimada é de 44,3 milhões de sacas. Já a quantidade de conilon deverá chegar a 13,7 milhões de sacas. Para mais informações sobre o Boletim de Levantamento de Safra de Café acesse www.conab.gov.br