Ministro da Agricultura comemora desempenho da agropecuária na economia

A agropecuária foi o setor com melhor desempenho na economia em 2017, se destacando com alta de 13%, enquanto a indústria ficou estagnada e serviços tiveram recuperação moderada (0,3%). O Produto Interno Bruto (PIB) do ano, no valor de R$ 6,56 trilhões, em alta de 1% em relação a 2016, foi divulgado nesta quinta-feira (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE). O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, comemorou o resultado e disse que essa é a vocação do país. Maggi lembrou a super produção de grãos do último ano e disse que novamente está sendo colhida uma grande safra e já preparando 2019. De acordo com dados da Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Mapa, os maiores destaques de produção no ano passado foram soja, milho, laranja, cana-de-açúcar, algodão, mandioca e café. Além dos efeitos favoráveis que a agropecuária trouxe para o PIB, sua contribuição na oferta de alimentos permitiu baixar a inflação durante o ano e também a gerar um saldo recorde na balança comercial do país. O valor do PIB agropecuário, que representa o que foi produzido nas atividades primárias ligadas ao setor alcançou quase R$ 299,47 bilhões, representando 4,56% do PIB. A média de crescimento da agropecuária nos últimos 22 anos é de 3,8%. Segunda a SPA/Mapa o crescimento da agropecuária, de 13%, é a maior taxa obtida desde 1996, quando foram revisadas pelo IBGE as Contas Nacionais.

audio/mpeg PIB.mp3 — 2623 KB