Mandetta: "quarentena sem prazo para terminar vira uma parede na frente da necessidade das pessoas"

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (25), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, explicou porque a quarentena deve seguir critérios para ser adotada. Segundo ele, a decisão de adotar o isolamento de forma generalizada no país já está causando problemas no sistema de saúde, como por exemplo a falta de vacinas em algumas regiões com estradas e aeroportos fechados. Mandetta afirmou que a quarentena é um "remédio amargo" e precisa ser usado de acordo com as análises da equipe do Ministério da Saúde, para que não se torne "uma parede na frente da necessidade das pessoas".

audio/mpeg 25-03-20 sonora Mandetta quarentena.mp3 — 2791 KB

Duração: 2m51s