Agricultura brasileira exporta alimentos para 1 bilhão de pessoas

Afirmação é do presidente Jair Bolsonaro , que participou hoje de Pró-Águas Urucuia, que integra o Programa Águas Brasileiras.

audio/mpeg 17-09-21 PRESIDENTE JAIR BOLSONARO PROJETO PRÓ-ÁGUAS URUCUIA.mp3 — 11551 KB

Duração: 11m08s




Transcrição

presidente Jair Bolsonaro participou, nesta sexta-feira (17), em Arinos, Minas Gerais, do lançamento do projeto Pró-Águas Urucuia, que integra o Programa Águas Brasileiras.

 

O Pró-Águas Urucuia é um dos 26 projetos aprovados pelo Programa Águas Brasileiras, que desenvolve ações de revitalização de bacias hidrográficas.

 

A iniciativa tem como objetivo atender 14 cidades de Minas Gerais e Goiás e contará com cerca de R$ 105 milhões de reais em investimentos para promover a conservação do solo e da água e a recomposição da vegetação nativa em dois mil hectares de áreas degradadas do Rio Urucuia, visando o aumento da disponibilidade de água.

 

O projeto prevê o plantio de 4 milhões e 500 mil mudas de espécies nativas do cerrado.

 

Além do anúncio do projeto, serão entregues 371 máquinas e equipamentos, que vão beneficiar cerca de 480 mil pessoas em 24 municípios da região.

 

O investimento no maquinário, que poderá ser utilizado pelas prefeituras na revitalização de áreas degradadas e em atividades de produção e apoio, foi de mais de R$ 17 milhões de reais.

 

Os recursos foram investidos pela Codevasf, Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, instituição vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional.

 

Também serão lançados no Rio Urucuia cerca de 10 mil alevinos da espécie curimatã-pacu. Os peixes são provenientes do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura da Codevasf, em Três Marias, Minas Gerais.

 

 

Da Rede Nacional de Rádio em Brasília