Alimentação Escolar recebe R$ 375 milhões; 40 milhões de estudantes são atendidos

Estudante que já se inscreveu no Enem 2020 e ainda não efetuou o pagamento terá mais prazo para pagar a taxa de inscrição; Um total de 410 moradias serão entregues para a 1,6 mil famílias de baixa renda no Rio Grande do Sul.

audio/mpeg 04-06-20 - É NOTICIA EM DOIS MINUTOS - MANHÃ - 1M43S - DILSON - FINALIZADO.mp3 — 2431 KB

Duração: 1m43s




Transcrição

O Programa Nacional de Alimentação Escolar recebeu um repasse no valor de mais de 375 milhões de reais do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Os recursos são referentes à quinta parcela de 2020.

 

Ao todo, o FNDE já destinou quase 2 bilhões de reais do programa a estados e municípios neste ano.

 

Mesmo com a pandemia e a paralisação de atividades presenciais nas escolas, a distribuição dos alimentos continua.

 

O programa atende diariamente mais de 40 milhões de estudantes em cerca de 150 mil escolas.

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Quem já se inscreveu no Enem 2020 e ainda não efetuou o pagamento terá mais prazo para pagar a taxa de inscrição.

 

Para isso, o estudante terá que acessar a Página do Participante clicando em: enem.inep.gov.br/participante para gerar novo boleto que será disponibilizado com vencimento em 10 de junho.

 

Os boletos gerados anteriormente perderam a validade e deverão ser descartados.

 

Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

Um total de 410 moradias serão entregues para a MIL e 600 famílias de baixa renda no Rio Grande do Sul.

 

O Ministério do Desenvolvimento Regional autorizou a entrega de unidades habitacionais para famílias com renda mensal de até 1 mil e 800 reais nos municípios de Porto Alegre e Alpestre.

 

São casas e apartamentos da Faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, com investimento de mais de 34 milhões de reais.

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Dilson Santa Fé