Covid-19: 100 milhões de brasileiros já receberam duas doses da vacina

E mais: Moradores do Complexo da Maré participam de mutirão de vacinação a partir desta quinta-feira (14); Governo federal seleciona organização para realizar cursos de empreendedorismo no Marajó (PA)

audio/mpeg 13-10-20 - É NOTICIA EM 2 MIM ANA GABRIELA.mp3 — 3833 KB

Duração: 2m02s




Transcrição

O Brasil chegou nesta quarta-feira à marca de 100 milhões de brasileiros completamente vacinados contra a covid-19.

Isso corresponde a 62,5% do público-alvo imunizado com duas doses da vacina ou com a dose única da vacina da Janssen.

Mais de 300 milhões de doses da vacina contra a covid-19 já foram distribuídas pelo Ministério da Saúde para estados e Distrito Federal.

Até o fim de outubro, o Ministério da Saúde deve receber mais 51 milhões e 500 mil doses da AstraZeneca e da Pfizer.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 

A partir desta quinta-feira, os moradores do Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, vão participar de um mutirão para completar o esquema vacinal contra a covid-19.

A campanha faz parte de um estudo inédito realizado na comunidade pela Fundação Oswaldo Cruz, a Fiocruz. Cerca de 36 mil moradores foram imunizados com a primeira dose na fase inicial da pesquisa, em agosto

Cerca de 8 mil moradores do Complexo da Maré serão testados e monitorados durante seis meses.

Os pesquisadores vão analisar o impacto da vacinação e o comportamento do vírus na comunidade.

O mutirão de vacinação vai até domingo, dia 17.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos vai selecionar uma organização para desenvolver cursos de empreendedorismo e cooperativismo para comunidades do Arquipélago do Marajó, no Pará.

Podem participar entidades e órgãos da Administração Pública direta ou indireta, consórcio público ou entidade privada sem fins lucrativos.

Os interessados podem se inscrever até o dia 22 de outubro. Mais informações em gov.br/mdh

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Ana Gabriella Sales