Governo vai fornecer acesso à internet para 900 mil alunos em situação de vulnerabilidade socioeconômica

Os alunos contemplados serão os do Ensino Superior e da Educação Profissional, Científica e Tecnológica ; Brasil irá realizar licitação para construir uma nova ponte no rio Jaguarão que fica na fronteira com o Uruguai, no Rio Grande do Sul; O número de focos de queimadas e incêndio registrados em Mato Grosso do Sul já é 74% superior ao total verificado no mesmo período de 2019.

audio/mpeg 18-08-20 - É NOTÍCIA 2 MINUTOS - MANHA - 2m43s - DILSON - FINALIZADO.mp3 — 2583 KB

Duração: 2:43s




Transcrição

Cerca de 900 mil alunos em situação de vulnerabilidade socioeconômica do Ensino Superior e da Educação Profissional, Científica e Tecnológica vão receber do governo federal fornecimento de acesso à internet. A solução encontrada foi divulgada nesta segunda-feira , dia 17, pelo Ministério da Educação (MEC).

 

O objetivo é viabilizar, já neste segundo semestre, conectividade a alunos que não tenham renda suficiente para contratar o serviço de banda larga em seus domicílios, disponibilizando pacotes de dados móveis (4G) para que eles tenham acesso aos conteúdos educacionais e às atividades de aprendizagem, oferecidos de forma remota pelas instituições de ensino.

 

Nos primeiros seis meses, a medida deve beneficiar, pelo menos, 400 mil alunos em situação de maior vulnerabilidade social, cuja renda familiar mensal seja de até meio salário mínimo.

 

O investimento será de 24 milhões de reais, beneficiando alunos que se encontram distribuídos em 797 municípios com campi de universidades e de institutos federais.

xxxxxxxxxxxxxxxxx

O Brasil irá realizar licitação para construir uma nova ponte no rio Jaguarão que fica na fronteira com o Uruguai, no Rio Grande do Sul.

 

O anúncio foi feito durante uma audiência virtual entre o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas e o ministro dos Transportes e Obras Públicas do Uruguai, Luís Alberto Héber.

 

Segundo o ministério, a ponte terá o custo de 150 milhões de reais e a expectativa é que a licitação seja concluída neste ano.

 

As obras de dragagem e de sinalização da hidrovia devem permitir o escoamento da safra de arroz do norte do Uruguai para o porto de Rio Grande (RS).

Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

 

O número de focos de queimadas e incêndio registrados em Mato Grosso do Sul já é 74% superior ao total verificado no mesmo período de 2019, o que obrigou o governo estadual a decretar situação de emergência ambiental no Pantanal segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) .

 

De 1º de janeiro até este domingo 16 de agosto, o satélite de referência (Aqua_M-T) acumulou sinais de 5 mil 959 focos de calor em território sul-mato-grossense. No mesmo período de 2019 foram registrados 3 mil 415 ocorrências.

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Dilson Santa Fé