Auxílio emergencial pode ser prorrogado até o final do ano

Segundo Bolsonaro, o valor do benefício aos informais pesa nos cofres públicos e, por isso, deverá ser reduzido para 250 reais nos próximos pagamentos; prova de vida por biometria facial começa a ser testada a partir desta quinta-feira, 20, em cerca de 500 mil beneficiários do INSS em todo o país; A comporta que vai liberar as águas do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, no Reservatório Jati, para o Cinturão das Águas do Ceará , vai ser acionada nesta quinta-feira, 20,

audio/mpeg 20-08-20 - É NOTÍCIA 2 MINUTOS - MANHA - 2m44s - DILSON - FINALIZADO.mp3 — 2415 KB

Duração: 2;44s




Transcrição

O auxílio emergencial deve ser prorrogado por mais alguns meses, podendo ser estendido até o final do ano.


A declaração foi feita nesta quarta-feira, 19, pelo presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia, no Palácio do Planalto, em que o presidente sancionou duas medidas provisórias aprovadas pelo Congresso Nacional, a que institui o Programa Emergencial de Suporte a Empregos e a que cria o Programa Emergencial de Acesso a Crédito .


Segundo o presidente, o valor do benefício aos informais pesa nos cofres públicos e, por isso, deverá ser reduzido para 250 reais nos próximos pagamentos.


Ao todo, são mais de 66 milhões de pessoas atendidas. O valor desembolsado pelo governo até agora foi de 161 bilhões de reais , segundo balanço da Caixa Econômica Federal.

 

Xxxxxxxxxxxxx

A prova de vida por biometria facial começa a ser testada a partir desta quinta-feira, 20, em cerca de 500 mil beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em todo o país.


A prova de vida digital será feita nos aplicativos do Governo Digital, Meu gov.br e Meu INSS, com o uso da câmera do celular do cidadão. O ícone para a prova de vida digital só estará disponível para os usuários escolhidos.


A partir desta quinta, o INSS fará contatos com segurados por SMS, e-mail e telefone, convidando para a iniciativa.


Quem tiver dúvidas pode ligar para o número 135 e conferir se a notificação é verdadeira.


xxxxxxxxxxxxxxxxxxx

A comporta que vai liberar as águas do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, no Reservatório Jati, para o Cinturão das Águas do Ceará (CAC) , vai ser acionada nesta quinta-feira, 20, pelo ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho .

 

Essa é mais uma etapa do esforço federal para garantir segurança hídrica a mais de 4 milhões de pessoas na Região Metropolitana de Fortaleza.


O trecho prioritário de 53 quilômetros do CAC transportará as águas do Eixo Norte do Projeto São Francisco para a Bacia do Rio Jaguaribe. De lá, a água percorrerá 256 quilômetros até o Açude

Castanhão, que abastece Fortaleza e cidades próximas.


As obras, com 64,61% de avanço físico, são executadas pelo governo estadual com recursos da União.

 


Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Dilson Santa Fé