Beneficiários nascidos em maio podem sacar 4ª parcela do auxílio

E mais: Foi lançada, nessa quarta-feira (21), uma chamada pública para Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação com empresas industriais na área de fármacos e biofármacos; A população indígena do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Alto Rio Juruá, no Acre, passa a contar com mais saúde, qualidade de vida e atendimento humanizado com a inauguração da primeira Unidade Básica de Saúde Indígena (UBSI) do Distrito, em Mâncio Lima, no Acre.

audio/mpeg 22-07-20 - É NOTICIA EM 2 MIM - DILSON SANTA FÉ - 2m19s - FINALIZADO 000.mp3 — 3281 KB

Duração: 2min19seg




Transcrição

Beneficiários do auxílio emergencial nascidos em maio recebem nesta quinta-feira (22) a quarta parcela da nova rodada do auxílio. O benefício tem parcelas de 150 a 375 reais, dependendo da família.

O pagamento será feito a inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos no mesmo mês.

O dinheiro será depositado nas contas poupança digitais e poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. Somente de duas a três semanas após o depósito, o dinheiro poderá ser sacado em espécie ou transferido para uma conta corrente.

Também nesta quinta-feira, beneficiários do Bolsa Família com o Número de Inscrição Social (NIS) de dígito final 4 poderão sacar o benefício.

Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Com o objetivo de estimular o desenvolvimento de produtos tecnológicos voltados para a saúde, foi lançada, nessa quarta-feira (21), uma chamada pública para Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação com empresas industriais na área de fármacos e biofármacos.

A chamada é uma parceria entre o Ministério da Saúde e a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).
Serão credenciados como unidades da Embrapii quatro grupos de pesquisa, que vão se dedicar ao desenvolvimento de fármacos nacionais e que poderão inovar com as empresas dos setores.

O recurso disponível será de 20 milhões de reais, assim cada unidade poderá pleitear 5 milhões de reais.

Xxxxxxxxxxxxxxxxxx

A partir de agora a população indígena do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Alto Rio Juruá, no Acre, passa a contar com mais saúde, qualidade de vida e atendimento humanizado com a inauguração da primeira Unidade Básica de Saúde Indígena (UBSI) do Distrito, em Mâncio Lima, no Acre.


A UBSI tem consultório médico e odontológico, laboratório de endemias, sala de vacina, farmácia para dispensação de medicamentos com receituários, entre outros.


A unidade vai atender uma população de aproximadamente 700 indígenas da etnia Puyanawa das aldeias Ipiranga e Barão.


Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Dilson Santa Fé