Congresso Nacional aprova criação do Programa Médicos pelo Brasil

A iniciativa vai levar 18 mil médicos a regiões mais carentes do país; Bolsonaro, assinou nessa quarta-feira (27) a medida provisória que transforma a autarquia Embratur em um serviço social autônomo e passa a se chamar Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo;

audio/mpeg 28-11-19 - E NOTICIAS EM 2 MINUTOS - AMERICA MELO - MANHA.mp3 — 3655 KB

Duração: 1:57s




Transcrição

O Congresso Nacional aprovou nessa quarta-feira (27) a criação do programa Médicos pelo Brasil, lançado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro.

 

 

A iniciativa vai levar 18 mil médicos a regiões mais carentes do país, além de formar especialistas em prevenção e acompanhamento de doenças mais frequentes nos brasileiros, como diabetes e hipertensão.

 

Agora, o texto da Medida Provisória segue para sanção presidencial.

 

 

O programa Médicos pelo Brasil foi lançado pelo em agosto deste ano, em substituição gradual ao Mais Médicos.

 

Das 18 mil vagas previstas, cerca de 13 mil são em municípios distantes dos centros urbanos ou pequenos, enquanto 5 mil vagas são para as equipes de Saúde da Família.

 

Os Distritos Sanitários Especiais Indígenas e comunidades ribeirinhas também serão atendidos pelo programa.

……………………

 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, assinou nessa quarta-feira (27) a medida provisória que transforma a autarquia Embratur em um serviço social autônomo e passa a se chamar Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo, em vez de Instituto Brasileiro de Turismo.


A mudança extingue cobranças e mantém benefícios fiscais para segmentos turísticos a partir de janeiro de 2020.

 

O documento, publicado no Diário Oficial da União, segue para aprovação no Congresso Nacional.

 

Segundo o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, será possível reduzir o custo do setor, e a expectativa é que o número de viagens dentro do Brasil aumente.

 

Atualmente são 60 milhões de pessoas fazendo turismo doméstico no país e a meta, segundo o Plano Nacional de Turismo, é chegar a 100 milhões em 2022.

 

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, América Melo