Paralimpíada de Tóquio - Natação dá mais um ouro para o Brasil

O mineiro Gabriel Geraldo, de 19 anos, conquistou sua segunda medalha de ouro nos Jogos.

audio/mpeg 02-09-2021_BOLETIM PARALIMPÍADA_MEDALHA NATAÇÃO.mp3 — 1797 KB

Duração: 1m11s




Transcrição

O mineiro Gabriel Geraldo, de 19 anos, conquistou sua segunda medalha de ouro nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. Após vencer os 200 metros livre classe S2, o atleta também subiu ao lugar mais alto do pódio nos 50 metros costas, com o tempo de 53 segundos e 96 centésimos, na manhã desta quinta-feira, 2, no Centro Aquático de Tóquio.

Gabriel Geraldo já havia conquistado a prata nos 100 metros costas, sendo o primeiro medalhista brasileiro nesta edição dos Jogos Paralímpicos.



Esta é a 18ª medalha de ouro brasileira na capital japonesa. Agora, faltam apenas três para o país igualar a melhor marca de medalhas douradas em uma única edição. O recorde de 21 ouros foi alcançado em Londres 2012.

Em Tóquio, o Brasil também já alcançou a histórica marca de 100 medalhas de ouro na história dos Jogos Paralímpicos, após a vitória do fundista Yeltsin Jacques na prova dos 1.500 metros.

Da Rede Nacional de Rádio em Brasília