Anvisa aprova inspeção de produtos importados em portos e aeroportos

Anualmente, a Anvisa atua em mais de 300 mil processos de importação, considerando apenas a modalidade do Siscomex, Portal Único de Comércio Exterior, sem contar as importações por meio das demais modalidades, como as remessas expressas e postais.

audio/mpeg 03-02-22 - E NOTICIA - ANVISA INSPECOESL JOSE CARLOS - JF.mp3 — 946 KB

Duração: 1:00s




Transcrição

A Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária – aprovou a realização de inspeções remotas de bens e produtos importados sujeitos à vigilância sanitária em portos e aeroportos.

Além de aprimorar o controle sanitário nas chamadas portas de entrada do país, a medida atende à necessidade da manutenção do distanciamento social em decorrência da pandemia de Covid-19.

A nova norma regulamenta as inspeções remotas com o uso de ferramentas de tecnologia da informação, desde que os servidores que atuam na autorização da importação de produtos tenham as informações necessárias para a conclusão de sua análise.

Anualmente, a Anvisa atua em mais de 300 mil processos de importação, considerando apenas a modalidade do Siscomex, Portal Único de Comércio Exterior, sem contar as importações por meio das demais modalidades, como as remessas expressas e postais.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília