Centros Comunitários e de Atendimento para covid vão receber reforço financeiro

Ministério da Saúde vai repassar cerca de R$449 milhões para custeio dos centros, entre janeiro a março de 2021.

audio/mpeg 03-03-2021_BOLETIM_CENTROS RECURSOS COVID.mp3 — 1796 KB

Duração: 1m16s




Transcrição

O Ministério da Saúde vai destinar mais incentivos financeiros aos Centros Comunitários de Referência e Centros de Atendimento para o Enfrentamento da Covid-19.

 

Ao todo, cerca de R$ 449  milhões em recursos federais serão destinados para custeio dos centros, entre janeiro a março de 2021.

 

A medida irá apoiar ações para o funcionamento de 2.313 Centros de Atendimento e 60 Comunitários em 2.061 municípios.

 

O objetivo é ampliar e qualificar o acompanhamento de doenças crônicas, pré-natal e consultas de rotina com as demandas também relacionadas à infecção por  coronavírus.

 

Por se tratar da porta de entrada para o Sistema Único de Saúde, a Atenção Primária tem um papel essencial na identificação de casos graves da Covid-19 logo no início dos sintomas. 

 

Além disso, o atendimento nas unidades de saúde, assim como nos Centros de Atendimento e nos Centros Comunitários, pode frear a transmissão da Covid-19 ao reduzir a ida de pessoas com sintomas leves aos serviços de urgências ou hospitais.