Brasil e Israel devem desenvolver medicamentos e vacinas contra covid

Comitiva do governo brasileiro vai se reunir com dirigentes do Centro Médico Sourasky, que estuda a eficácia de um spray nasal contra a covid-19.

audio/mpeg 08-03-21 - É NOTÍCIA - COMITIVA ISRAEL - 1m04s.mp3 — 910 KB

Duração: 1m04s




Transcrição

Buscar parceria com Israel para conhecer e desenvolver medicamentos e vacinas contra a covid é o objetivo de comitiva do governo brasileiro que está na capital, Telavive.

 

A comitiva do governo brasileiro vai se reunir com dirigentes do Centro Médico Sourasky, que estuda a eficácia de um spray nasal contra a covid-19. O interesse do Brasil pelo medicamento foi divulgado pelo presidente Jair Bolsonaro no mês passado.

 

Outro encontro previsto em Israel é com representantes do Instituto Weizman de Ciência, que estuda o desenvolvimento de vacinas contra a covid-19, e do Centro de Pesquisa do Hospital Hadassah, que estuda o medicamento Allocetra.

 

Segundo publicações científicas, o Allocetra vem sendo usado com eficiência em pacientes infectados. Também participam da comitiva o secretário do Ministério da Ciência e Tecnologia, Marcelo Marcos Morales, o secretário do Ministério da Saúde, Hélio Angotti Neto e parlamentares.

 

Da Rede Nacional de Rádio em Brasília, Luciano Barroso.