Livros do Arca das Letras vão para bibliotecas públicas e escolas rurais

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento esclarece que livros do programa Arca das Letras não estão sendo distribuídos para a população e e não serão incinerados, como vem sendo divulgado nas redes sociais e nos aplicativos de mensagens.

audio/mpeg 08-08-19 - ROSAMELIA - ARCA DAS LETRAS- VAL 14-08.mp3 — 1562 KB

Duração: 1m39s




Transcrição

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento divulgou nota em que informa que não procedem as informações que estão sendo veiculadas por meio de aplicativos de mensagens e redes sociais informando sobre a doação de livros na Superintendência do Ibama em Brasília.

 

É falsa também a informação de que seriam incinerados os livros que eventualmente não fossem doados.

 

O ministério Informou que os livros em questão, atualmente armazenados no edifício do Ibama, pertencem ao extinto programa Biblioteca Rural Arca das Letras, e que  hoje está  sob a gestão Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

 

Segundo a nota ,esses livros estão sendo catalogados para, posteriormente, serem destinados a bibliotecas públicas e escolas rurais.

 

O ministério alertou que que não há qualquer risco de incineração do acervo bibliográfico pertencente ao programa Arca das Letras. Trata-se de informação falsa e indevidamente divulgada.

 

Entidades e instituições interessadas em receber doações do acervo do Arca das Letras podem manifestar seu interesse pelo e-mail dep.saf@agricultura.gov.br