Fiocruz tem insumo suficiente para iniciar produção de cerca de 15 milhões de doses de vacina contra a Covid-19

As vacinas serão entregues ao Programa Nacional de Imunizações após o deferimento do registro pela Anvisa.

audio/mpeg 09-03-2021_BOLETIM_FIOCRUZ.mp3 — 1794 KB

Duração: 1m16s




Transcrição

A Fiocruz divulgou nota informando que, com a chegada de mais dois lotes de IFA, Ingrediente Farmacêutico Ativo, no dia 27 de janeiro, a fundação soma a quantidade suficiente de matéria-prima para iniciar a produção, neste mês, de cerca de 15 milhões de doses de vacinas contra a Covid 19, desenvolvida pela Astrazeneca/Oxford.

 

As vacinas serão entregues ao Programa Nacional de Imunizações após o deferimento do registro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 

Ainda em março, mais três remessas de IFA estão previstas para sair da China com destino à Fiocruz. 

 

Outros três lotes têm previsão para embarcar em abril. Em maio, serão mais quatro remessas e, em junho, será enviado o último lote. 

 

Até o momento, o cronograma divulgado segue valendo e, ao todo, a produção da Fiocruz alcançará, em julho, a marca de mais de 100 milhões de doses. 

 

Já no segundo semestre, com a transferência de tecnologia concluída, a fundação poderá produzir as vacinas de forma independente, a partir da produção nacional do IFA, com expectativa de entregar mais 110 milhões no período.