Brasil doa para o Haiti 7 mil doses de vacina antirrábica humana

Em 2017, ocorreu operação semelhante, quando 15 mil doses daquela vacina foram entregues ao Haiti, que registrava, então, crescente número de casos de raiva, com vítimas fatais.

audio/mpeg 09-05-19 - SUZETTE - VACINAS HAITI - VAL 09-05.mp3 — 1443 KB

Duração: 1m01s




Transcrição

O Brasil doou nesta quarta-feira, dia 8, ao Haiti, em caráter de cooperação humanitária coordenada pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC), do Ministério das Relações Exteriores, sete mil doses de vacina antirrábica humana fornecidas pelo Ministério da Saúde, em resposta a solicitação do governo haitiano. O transporte a Porto Príncipe foi custeado pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS).

Em 2017, ocorreu operação semelhante, quando 15 mil doses daquela vacina foram entregues ao Haiti, que registrava, então, crescente número de casos de raiva, com vítimas fatais.

Segundo o Ministério da Saúde, as doações brasileiras em ações de cooperação humanitária não privam os brasileiros do direito de acesso a medicamentos, destinados a tais iniciativas apenas quando não há carência no atendimento prioritário a pacientes nacionais.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Suzette Calderon