Ministro defende importância do Turismo para gerar emprego

Segundo o ministro, a meta é gerar dois milhões de empregos, inserir 40 milhões de brasileiros no mercado de viagens, promover um salto dos atuais 6,6 milhões para 12 milhões de turistas internacionais.

audio/mpeg 11-04-19 - SUZETTE CALDERON - TURISMO EMPREGOS - VAL 11-04.mp3 — 1951 KB

Duração: 1:23s




Transcrição

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, esteve, nesta quarta-feira, dia 10 de abril, na Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo, do Senado, para apresentar o panorama do setor no mundo, o cenário e o potencial brasileiro, bem como os gargalos que impedem o avanço e a agenda estratégica do setor.

 

Segundo o ministro, a meta é gerar dois milhões de empregos, inserir 40 milhões de brasileiros no mercado de viagens, promover um salto dos atuais 6,6 milhões para 12 milhões de turistas internacionais e na arrecadação com o turismo internacional dos atuais US$ 5,9 bi para US$ 19 bilhões.

 

Para transformar o potencial em realidade e emprego, o ministro apontou a abertura total das empresas aéreas ao capital estrangeiro que permitirá a ampliação de companhias atuando no Brasil, o fortalecimento da promoção turística internacional dos destinos domésticos e a modernização da Lei Geral do Turismo como solução. A criação de áreas especiais de interesse turístico e a isenção de vistos para países estratégicos como a Austrália, Japão, Canadá e EUA - que passa a valer em 17 de junho - também receberam destaque na agenda estratégica.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Suzette Calderon