Inca divulga campanha de alerta sobre o uso de cigarros eletrônicos

O Instituto divulgou também uma Nota Técnica em que relata os casos das mais de 2 mil internações e 48 mortes ocorridas nos Estados Unidos relacionadas ao uso de cigarro eletrônico

audio/mpeg 11-12-19 - MIGUELZINHO MARTINS - CIGARROS ELETRÔNICOS.mp3 — 929 KB

Duração: 39s




Transcrição

O Inca , Instituto Nacional do Câncer publicou uma campanha de alerta sobre o uso de dispositivos eletrônicos para fumar, os chamados cigarros eletrônicos.

 

O Inca alerta que esses produtos possuem inúmeras substâncias tóxicas que não são seguras.

 

O instituto alerta ainda que as chances de jovens começarem a fumar quadruplicam com o uso dos cigarros eletrônicos.

 

O Inca divulgou também uma Nota Técnica em que relata os casos das mais de 2 mil internações e 48 mortes ocorridas nos Estados Unidos relacionadas ao uso de cigarro eletrônico.

 

A nota reafirma o apoio do Inca à manutenção da proibição desses produtos no Brasil, estabelecida por meio da Resolução da Anvisa de 2009.