Fábio Faria alerta operadoras sobre uso incorreto do nome 5G

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o ministro das Comunicações explicou que a nova tecnologia ainda não foi implantada no país, e disse que as operadoras estão oferecendo nos celulares um serviço de 4G mais potente, que está sendo chamado de 5G.

audio/mpeg 15-06-2021_ BOLETIM_ SERVIÇO 5G OPERADORAS ALERTA.mp3 — 1142 KB

Duração: 1m09s




Transcrição

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, fez um alerta nas redes sociais nesta terça-feira (15) sobre o serviço 5G que está sendo oferecido pelas operadoras de telefonia.

Segundo o ministro, a nova tecnologia ainda não foi implantada no país. Ele explicou que as operadoras estão oferecendo nos celulares um serviço de 4G mais potente, que está sendo chamado de 5G.

Fábio Faria afirmou ainda que enviou carta à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e às empresas de telecomunicações para que não utilizem o termo 5G nos celulares, o que poderia confundir e prejudicar os consumidores.

O leilão das frequências de 5G deve ser realizado no segundo semestre deste ano. A nova tecnologia promete velocidades de internet até 100 vezes superiores às do 4G.

A previsão é que a tecnologia esteja em funcionamento em todas as 27 capitais do país até o final do ano que vem.