Governo Federal afirma que o Brasil não voltou para o Mapa da Fome

O anúncio foi feito pelo ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, durante o lançamento do relatório “Estado da Segurança Alimentar e Nutricional no Mundo 2018”, na FAO, em Roma.

audio/mpeg 16-10-18 - SERGIO VIEIRA -RELATORIO ALIMENTAR - VAL 16-10.mp3 — 1328 KB

Duração: 1m24s




Transcrição

O Brasil não voltou ao Mapa da Fome. O anúncio foi feito pelo ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, durante o lançamento do relatório “Estado da Segurança Alimentar e Nutricional no Mundo 2018”, na Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), em Roma.

Ele destacou que programas sociais como o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada contribuíram para a promoção da segurança alimentar e nutricional.

 

O ministro ressaltou também outras ações do governo brasileiro para a garantia do direito à alimentação adequada, como o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, o programa Nacional de Alimentação Escolar, a assistência técnica e extensão rural ofertada por meio do Programa de Fomento Rural, e o Programa Cisternas – que garante água de qualidade para o consumo e a produção de alimentos.

Avançar em busca do cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, como erradicar a desnutrição e a obesidade, é um desafio que está sendo trabalhado pelo governo brasileiro, informou o ministro.