SUS comemora 29 anos de criação com acesso universal à população

O SUS é um dos maiores sistemas públicos de saúde do mundo e garante acesso integral, universal e gratuito para toda a população do país, desde a gestação até a terceira idade

audio/mpeg 19-09-19 - ROSAMELIA - 29 ANOS DO SUS- VAL 21-09.mp3 — 3486 KB

Duração: 2m28s




Transcrição

O Sistema Único de Saúde (SUS) completa nesta quinta-feira 29 anos de criação. O SUS é um dos maiores sistemas públicos de saúde do mundo e garante acesso integral, universal e gratuito para toda a população do país, desde a gestação até para toda a vida. 

O Ministério da Saúde informa que a segunda fase do Projeto Lean nas Emergências reduziu em 40% o tempo médio do paciente no pronto-socorro e em 44% a internação hospitalar - quase dois dias a menos de internação no hospital, com redução de 4 horas e 20 minutos no pronto-socorro.

Tudo isso garante não só uma maior oferta de leitos dos hospitais como a diminuição do desgaste emocional tanto do paciente e de seu acompanhante como da equipe médica.

Após a intervenção, o período de espera no pronto-socorro das unidades passou de onze horas para, em média, 6 horas e 20 minutos.

O paciente que busca atendimento nessas emergências fica quase quatro horas e meia a menos no pronto-socorro, considerando o período desde a entrada na unidade de saúde, passando pela triagem, consulta, administração de medicamentos e exames, até a alta médica. 

Segundo o Ministério da Saúde, esse resultado é reflexo da organização dos fluxos e o menor tempo de permanência do paciente, impactando na superlotação das emergências. 

Ao todo 36 hospitais de todas as regiões do país fizeram parte das duas primeiras etapas, nas quais 800 profissionais foram treinados na metodologia Lean nos serviços de emergência. 

No último mês, o Ministério da Saúde lançou o terceiro ciclo com 20 hospitais participantes, em uma parceria com o Hospital Sírio-Libanês. Até 2020, a meta é intervir na gestão de 100 hospitais.