Depen incentiva o trabalho e a capacitação de presos

Em 2019 foram investidos mais de R$ 46 milhões para implementação de mais de 200 oficinas permanentes e autossustentáveis de trabalho nos presídios em vários segmentos de capacitação e trabalho

audio/mpeg 21-01-20 - DILSON SANTA FE - CAPACITAÇAO PRESOS.mp3 — 2038 KB

Duração: 1m05s




Transcrição

Com a finalidade de melhorar o controle das unidades prisionais brasileiras e diminuir a ociosidade dos presos, o DEPEN, Departamento Penitenciário Nacional, passou a incentivar o trabalho nas prisões.

 

 

Em 2019 o Depen realizou 5 visitas técnicas ao Estado de Santa Catarina, onde presos trabalham e devolvem parte do salário recebido para o Estado custear a manutenção das unidades como modelo ideal.

 

O Depen investiu, somente em 2019, mais de 46 milhões de reais para implementação de mais de 200 oficinas permanentes e autossustentáveis de trabalho nos presídios em vários segmentos de capacitação e trabalho.

 

 

O Quinto Ciclo do Projeto de Capacitação Profissional e Implementação de Oficinas Permanentes realizado em 2019 conseguiu realizar novos Convênios com 22 Estados para garantir o financiamento de 202 oficinas de trabalho.

 

O objetivo é dobrar o número de presos trabalhando nas unidades prisionais até o final do atual governo.