Governo Federal oferece bolsas de residência em Medicina de Família e Comunidade ou multiprofissional em Saúde da Família.

Neste ano, serão disponibilizados R$20 milhões

audio/mpeg 22-01-20 - DILSON SANTA FE - BOLSA ESTUDO SAUDE.mp3 — 2275 KB

Duração: 1m12s




Transcrição

O ministério da Saúde informa que as instituições de ensino municipais, estaduais e privadas sem fins lucrativos de todo país já podem se inscrever para receber apoio financeiro do Governo Federal a bolsas de residência em Medicina de Família e Comunidade ou multiprofissional em Saúde da Família.


As duas especialidades são ofertadas pelas instituições de ensino a profissionais de nível superior da saúde, como médicos e enfermeiros, que atuam na Atenção Primária.


Essa área cuida e acompanha os problemas de saúde mais frequentes do cidadão, como diabetes e hipertensão por meio de consultas e exames regulares.

Para apoiar a oferta de novas bolsas, o Ministério da Saúde disponibiliza, neste ano, R$ 20 milhões de reais.

 

O prazo para inscrição segue até 31 de janeiro. Os resultados serão publicados em fevereiro.

Cada profissional em formação vai custar ao Ministério da Saúde o valor de R$ 3 mil 330 reais e 43 centavos.

O financiamento das bolsas ocorre ao longo de todo o programa, que tem duração de dois anos.

Outras informações no site www.saude.gov.br