Petrobras vai doar computadores para escolas de São Paulo

Serão doados cerca de 2.660 computadores recondicionados para até 133 escolas públicas municipais e estaduais localizadas próximas às operações da companhia em 11 cidades.

audio/mpeg 22-07-2022_ BOLETIM_ PETROBRAS INCLUSÃO DIGITAL.mp3 — 3455 KB

Duração: 2m27s




Transcrição

A Petrobras abriu as inscrições para o programa social de inclusão digital “Janelas para o Amanhã” no estado de São Paulo. 

 

Serão doados cerca de 2.660 computadores recondicionados para até 133 escolas públicas municipais e estaduais localizadas próximas às operações da companhia em 11 cidades. 

 

Com a iniciativa, a Petrobras gera impactos positivos para a sociedade e contribui para o desenvolvimento das comunidades onde atua.

 

Podem participar da seleção escolas localizadas nos municípios de Mauá, Santo André, Paulínia, Cosmópolis, São José dos Campos, Cubatão, Caraguatatuba, São Sebastião, além de Ilhabela, Ubatuba e Santos. 

 

As inscrições vão estar abertas até 6 de agosto e a divulgação das escolas contempladas será no dia 23 de agosto. A previsão é que os computadores sejam entregues a partir de setembro.

 

Cada escola do estado receberá em média 20 computadores recondicionados que serão utilizados para o treinamento em tecnologia da informação, com início em março de 2022. 

 

A expectativa é de que cerca de 2 mil alunos e 2 mil professores sejam beneficiados com o treinamento, que será realizado em parceria com a Recode, organização da sociedade civil que utiliza a informática como mecanismo de inclusão e empoderamento digital de comunidades vulneráveis. 

 

O treinamento com os professores do Ensino Fundamental terá como objetivo aprimorar o uso da tecnologia digital na prática pedagógica. Já com os estudantes do Ensino Médio, o objetivo será preparar para o mercado de trabalho.

 

O “Janelas para o Amanhã” foi lançado em março, no Rio de Janeiro, onde estão sendo doados 3.800 computadores para 188 escolas. 

 

Até o final do ano, o programa contemplará também escolas públicas capixabas. 

 

Serão doados ao todo mais de nove mil computadores e a companhia prevê investir R$ 2 milhões e 300 mil reais na formação em tecnologia de alunos e professores em 39 municípios dos três estados, ampliando o acesso digital para cerca de 50 mil estudantes dos ensinos fundamental e médio nos três estados. 

 

Da Rede Nacional de Rádio em Brasília