Presidente Jair Bolsonaro visita amanhã áreas atingidas pelas chuvas no Acre

Ele vai anunciar uma série de medidas de apoio ao estado, atingido por fortes chuvas e enchentes que afetaram 130 mil pessoas que vivem na região.

audio/mpeg 23-02-2021_BOLETIM_ENCHENTES ACRE.mp3 — 2351 KB

Duração: 1m40s




Transcrição

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nas redes sociais que vai visitar o Acre nesta quarta-feira (24).

 

O presidente informou que vai anunciar uma série de medidas de apoio ao estado, atingido por fortes chuvas e enchentes que afetaram 130 mil pessoas que vivem na região. 

 

O Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio da Defesa Civil Nacional, reconheceu o estado de calamidade pública em 10 municípios do Acre atingidos por inundações causadas pelas cheias de rios: Rio Branco, Sena Madureira, Santa Rosa do Purus, Feijó, Tarauacá, Jordão, Cruzeiro do Sul, Porto Walter, Mâncio Lima e Rodrigues Alves. 

 

A medida foi tomada por procedimento sumário, que ocorre com base no requerimento e no decreto de emergência ou de calamidade do estado ou município. 

 

O objetivo é acelerar as ações federais de resposta a desastres públicos, notórios e de alta intensidade.

 

Com a medida, o governo estadual poderá acessar recursos federais para ações de socorro e assistência à população e para o restabelecimento de serviços essenciais em áreas afetadas. 

 

Além disso, o estado de calamidade dá mais segurança jurídica para que o Governo Federal antecipe pagamentos de aposentadorias e benefícios assistenciais, como o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e o Bolsa Família.

 

A Defesa Civil Nacional está apoiando o estado do Acre desde o início da última semana, com a coordenação do monitoramento realizado pelas agências federais responsáveis.