Arrecadação Federal chega a R$ 165,3 bilhões em maio

Valor é o maior da série histórica, iniciada em 1995. No acumulado do ano, a arrecadação chegou a R$ 908 bilhões.

audio/mpeg 23-06-22 - E NOTÍCIA - ADALTO GOUVEIA - ARRECARDACAO RECEITAS.mp3 — 1370 KB

Duração: 1'27"




Transcrição

A arrecadação total das Receitas Federais em maio chegou a 165 bilhões e 300 milhões de reais, registrando acréscimo ajustado pela inflação de 4,13% em relação ao mesmo período do ano passado. No acumulado no ano, a arrecadação soma mais de 908 bilhões de reais, representando um aumento ajustado pela inflação de 9,75%.

Segundo a Receita, esse resultado de maio é o maior da série histórica, iniciada em 1995, em valores corrigidos pela inflação.

Quanto às Receitas Administradas pela Receita Federal do Brasil, o valor arrecadado, em maio deste ano, foi de pouco mais de 159 bilhões de reais, representando um aumento real de 3,37%, enquanto no período acumulado de janeiro a maio de 2022, a arrecadação alcançou 850 bilhões de reais, um acréscimo de 7,51%.

Essa alta se deve principalmente pelo crescimento dos recolhimentos do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e da CSLL, a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido.

 

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Adalto Gouveia.