Fies reformula financiamento estudantil

Hoje é preciso ter nota média mínima de 450 pontos e apenas não zerar a redação para pleitear o financiamento. O comitê estabeleceu uma nota de corte também para a parte discursiva de 400 pontos.

audio/mpeg 23-12-19 - AMERICA MELO - FIES.mp3 — 2335 KB

Duração: 1:14s




Transcrição

 

O financiamento estudantil do país será reformulado, de acordo com o Ministério da Educação.

 

O comitê gestor do Fies - o  Fundo de Financiamento Estudantil aprovou uma série de mudanças para o programa e também para o P-Fies, que é o Programa de Financiamento Estudantil.

Hoje é preciso ter nota média mínima de 450 pontos e apenas não zerar a redação para pleitear o financiamento. O comitê estabeleceu uma nota de corte também para a parte discursiva de 400 pontos. A nota média nacional é 522,8.


A nota do Enem também servirá para limitar transferências de cursos em instituições de ensino superior para alunos que possuem financiamento do Fies.

 

Será necessário ter obtido, no Exame Nacional do Ensino Médio, resultado igual ou superior à nota de corte do curso de destino desejado. 

 

Em relação à cobrança judicial de débitos, será possível cobrar os contratos firmados até o segundo semestre de 2017, com dívida mínima de R$10 mil.

 

Mais informações na página www.mec.gov.br 


Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, América Melo