Governo federal analisa mudanças na gestão da Ancine

De acordo com o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros o tema está em análise pela área jurídica do Palácio do Planalto. Atualmente a Agência Nacional do Cinema é ligada ao Fundo Setorial do Audiovisual

audio/mpeg 24-07-19 - SUZETTE - ANCINE - VAL 25-07.mp3 — 904 KB

Duração: 57s




Transcrição

O governo estuda retirar a Agência Nacional do Cinema (Ancine) da gestão do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA).

A afirmação é do porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, durante encontro com jornalistas, nesta quarta-feira, dia 23, que comentou também que o tema está em análise pela área jurídica do Palácio do Planalto.

Segundo o porta-voz, se a mudança ocorrer, o FSA poderá ser repassado para a Secretaria Especial da Cultura, vinculada ao Ministério da Cidadania, a quem caberia a execução orçamentária e financeira do fundo de fomento, que tem orçamento de 724 milhões de reais para este ano.

Neste caso, a Ancine deixaria de atuar como agência de fomento, passando a concentrar suas atividades apenas nas áreas de supervisão e regulação do mercado.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Suzette Calderon