Presidente Bolsonaro cria Conselho para acompanhar desastre em MG

O Governo federal publicou um decreto que institui o Conselho Ministerial de Supervisão de Respostas a Desastre, coordenado pelo Ministro da Casa Civil. A finalidade é acompanhar e fiscalizar as atividades a serem desenvolvidas em decorrência do desastre na cidade de Brumadinho, Minas Gerais

audio/mpeg 26-01-19 - ANA PIMENTA - CONSELHO MINISTERIAL BRUMADINHO.mp3 — 1602 KB

Duração: 58s




Transcrição

O Governo federal publicou um decreto que institui o Conselho Ministerial de Supervisão de Respostas a Desastre, coordenado pelo Ministro da Casa Civil. A finalidade é acompanhar e fiscalizar as atividades a serem desenvolvidas em decorrência do desastre na cidade de Brumadinho, Minas Gerais. Nesta sexta-feira, uma barragem de rejeitos da mineradora Vale se rompeu.

A informação foi divulgada esta manhã na conta pessoal do presidente Jair Bolsonaro no Twitter.

O Conselho vai acompanhar as ações de socorro, de assistência, restabelecimento de serviços essenciais afetados, de recuperação de ecossistemas e de reconstrução.

Também pelo Twitter, o presidente Bolsonaro afirmou que o governo fará o que estiver ao alcance para atender as vítimas, minimizar danos, apurar os fatos, cobrar justiça e prevenir novas tragédias como a de Mariana e Brumadinho.