Ministério da Saúde vai comprar mais 460 milhões de seringas e agulhas

Investimento estimado será de R$ 75 milhões para dar continuidade à vacinação contra a Covid-19 no país.

audio/mpeg 26-02-2021_BOLETIM_COMPRA DE AGULHAS E SERINGAS.mp3 — 1949 KB

Duração: 1m23s




Transcrição

O Ministério da Saúde abriu novo pregão eletrônico para adquirir 460 milhões seringas e agulhas.

 

O investimento estimado será de R$ 75 milhões para dar continuidade a vacinação contra a Covid-19 no país. 

 

A medida é mais uma ação do governo federal em apoio a estados e municípios, para que possam continuar o plano de vacinação no enfrentamento da pandemia causada pelo coronavírus.

 

A escolha será da proposta mais vantajosa para aquisição do material para ajudar no combate à pandemia do coronavírus.

  

O cronograma de entrega dos produtos será elaborado de acordo com a capacidade de produção industrial e os estoques já disponíveis nos estados para o Programa Nacional de Imunizações.

 

A responsabilidade pela compra de seringas e agulhas, bem como o controle dos estoques, é dos gestores estaduais e municipais de saúde. Contudo, o Ministério da Saúde tem saído na frente, centralizando a aquisição de insumos, equipamentos de proteção  individual e ventiladores pulmonares, como apoio estratégico a estados e municípios no enfrentamento à pandemia.

 

O Ministério da Saúde já distribuiu mais de 18 milhões de insumos, entre eles cerca de 9 milhões de seringas e mais de 8 milhões de agulhas em todas as regiões do Brasil.