ANTAQ lança estudo sobre transporte de cargas na Cabotagem e Navegação

O estudo apresenta a atualização da estimativa da demanda de transporte aquaviário de cargas, expressa pelos indicadores de tonelada útil e tonelada-quilômetro útil realizada durante o ano de 2019, nos corredores hidroviários brasileiros dos rios Solimões-Amazonas, Madeira, Tocantins-Araguaia, Paraguai, Paraná-Tietê e Hidrovia do Sul, e nas principais rotas ao longo da costa.

audio/mpeg 26-05-2021_BOLETIM_ ANTAQ .mp3 — 1356 KB

Duração: 58s




Transcrição

A Antaq, Agência Nacional de Transportes Aquaviários, lança, nesta quarta-feira (26), o Raio-X do Transporte de Cargas na Cabotagem e Navegação Interior no Brasil, por meio de estudos simplificados. A cabotagem é a navegação entre portos do mesmo país.

O estudo apresentou a atualização da estimativa da demanda de transporte aquaviário de cargas, expressa pelos indicadores de tonelada útil e tonelada-quilômetro útil realizada durante o ano de 2019, nos corredores hidroviários brasileiros dos rios Solimões-Amazonas, Madeira, Tocantins-Araguaia, Paraguai, Paraná-Tietê e Hidrovia do Sul, e nas principais rotas ao longo da costa.

A partir das três da tarde, o evento será transmitido ao vivo pelo canal da Antaq no YouTube.

Da Rede Nacional de Rádio em Brasília