Pedidos de naturalização passam a ser digitais

Ministério da Justiça e Segurança Pública consolidou os procedimentos de naturalização, regulamentando a plataforma digital do Sistema Naturalizar-se

audio/mpeg 27-11-2020_BOLETIM_PEDIDOS DE NATURALIZAÇÃO PASSAM A SER DIGITAIS .mp3 — 2079 KB

Duração: 1m29s




Transcrição

Pedidos de naturalização passaram a ser digitais.

 

O Ministério da Justiça e Segurança Pública consolidou os procedimentos de naturalização, regulamentando a plataforma digital do Sistema Naturalizar-se.

 

 

O processo digital passou a ser, desde o início deste mês, o único meio de recebimento de pedidos de naturalização, tornando os processos mais ágeis e simplificados.

 

 

Com a expansão do Sistema Naturalizar-se a todas as unidades da Polícia Federal já foram recebidos 639 pedidos de naturalização, desde o início de novembro, que estão em análise.

 

 

O Naturalizar-se, junto de outras medidas adotadas para eliminação do passivo de solicitações e redução do tempo de análise dos pedidos, contribui fortemente para o plano de desburocratização do Governo Federal”, afirma a diretora do Departamento de Migração da Secretaria Nacional de Justiça, Lígia Neves Aziz.

 

 

 

A implementação representa um grande avanço na modernização do processamento dos pedidos de naturalização, possibilitando o uso da mesma plataforma digital por todos os agentes governamentais envolvidos, além do próprio requerente. 

 

A solução tecnológica permite maior celeridade na tramitação, eficiência nas comunicações e segurança da informação, além de facilitar a integração com outros bancos de dados.

 

Da Rede Nacional de Rádio em Brasília